Blog

Viagens corporativas em alta temporada
17/01/2022
Por: Livia Pizza

Viagens corporativas em alta temporada: quais os principais desafios?

Planejar viagens corporativas em alta temporada é um desafio com diversas faces. Além de enfrentar hotéis e aeroportos lotados, ainda é preciso adequar o orçamento às tarifas especiais

A alta temporada é o período que compreende as férias escolares e recessos corporativos, como os meses de junho e julho e de dezembro a fevereiro. Independentemente do destino ser considerado turístico ou não, todas as viagens, incluindo as corporativas, são afetadas pelas oscilações do mercado e serviços nessa época. 

Antes de pensar em adiar a viagem, saiba que é possível pensá-la de forma estratégica e inteligente colocando em prática alguns pontos – que elencamos aqui nesse texto para você!

É possível resolver remotamente?

O primeiro ponto é analisar, cautelosamente, se o objetivo da viagem pode ser concretizado virtualmente. A pandemia mudou nossas perspectivas fazendo com que você possa pesar com naturalidade se é mais rentável e produtivo realizar a viagem mesmo que em alta temporada ou adotar a tecnologia para uma reunião online. Inclusive, falamos sobre este assunto com mais detalhes aqui

Existe a possibilidade de alterar o destino?

Apesar de não parecer uma solução óbvia, essa é uma alternativa para reuniões com clientes, parceiros ou fornecedores que precisam ser presenciais, mas independem da localização. Nesse caso, estude a possibilidade de um destino neutro para o encontro, no meio do caminho para todas as partes envolvidas e que fuja da rota turística. Muito provavelmente, será mais fácil e rentável conseguir hotéis e transportes dessa forma. 

Dadas as duas primeiras análises sugeridas, se a conclusão é que a viagem é inadiável, confira esses pontos que elencamos para que as viagens corporativas em alta temporada aconteçam da melhor forma:

Planeje com antecedência 

Essa é a forma mais segura de garantir as vagas nos hotéis e voos que realmente fazem sentido para sua viagem corporativa e não o que restar. Mesmo que o colaborador viajante precise lidar com alguns atrasos ou inconvenientes, como aeroportos lotados, pelo menos os serviços já estarão contratados. 

Evite períodos com feriados

Se as viagens corporativas em alta temporada já são desafiadores, imagina se ainda tiver um feriado no cronograma? Nossa dica, então, é sempre evitar os dias que os antecedem

Aliás, pode ser interessante programar a viagem justamente para o fim do feriado e, sempre, no início das semanas. Mesmo nos meses de alta temporada (junho, julho, dezembro, janeiro e fevereiro) os inícios de semana são mais tranquilos. 

Atenção para a mobilidade urbana também

Não são apenas os voos que ficam comprometidos com a alta temporada: carros de locação, táxis e motoristas de aplicativo também tendem a serem opções concorridas. Por isso, não se esqueça de contratar previamente ou pensar nessa solução para que não hajam imprevistos com a mobilidade durante suas viagens corporativas em alta temporada.

Caso o destino seja turístico, busque hospedagens nas redondezas

Uma boa solução para viagens corporativas em alta temporada é hospedar-se em cidades dormitórios próximos caso o destino seja turístico (ex: litoral no verão ou montanhas no inverno). É preciso, porém, pesar os prós e contras para ver se os valores das hospedagens realmente compensam o do deslocamento. 

É possível fazer uma viagem compacta?

Para destinos nacionais, vale a pena cogitar até mesmo bate-volta, dependendo do motivo da viagem. O colaborador pode concentrar os compromissos em um dia, evitando assim as altas tarifas e concorrência características nas hospedagens em alta temporada. 

Estude opções alternativas de hospedagem 

Sua gestão de viagem corporativa precisa ser abrangente para solucionar os desafios que surgirem no caminho de forma estratégica. Se sua política de viagens corporativa está limitada a hotéis, talvez seja a hora de cogitar outras categorias de hospedagem, como apartamentos para locação, pousadas, etc. Analise o que o mercado pode oferecer!

Pense no cronograma de forma realista

Períodos e compromissos devem ser pensados sempre com margem maior de tempo, considerando possíveis atrasos no voo, transporte ou até mesmo nos almoços. Sente-se com o colaborador e faça esse planejamento considerando o cenário que encontrará. Talvez seja interessante, por exemplo, ir em 2 voos antes do usual para chegar com tranquilidade sem correr risco de perder os compromissos. 

Considere o Bleisure no planejamento

Já ouviu falar sobre a junção da viagem a trabalho com o lazer? Bleisure, termo inglês que representa essa ideia, já é uma tendência que pode trazer diversos benefícios para o funcionário e, consequentemente, para a empresa. Mais produtividade é apenas um deles. 

Como estamos falando de viagens corporativas em alta temporada, é possível que esse tópico surja, especialmente nos planos do colaborador que viajará. Seja flexível, reveja a política de viagens corporativa com a equipe e aborde o tema bleisure de forma clara com quem vai viajar. Todos sairão ganhando com essa flexibilidade!

E aí, os 10 tópicos te ajudaram a ter mais segurança para planejar viagens corporativas em alta temporada? 

Nos conte nos comentários se ficou alguma dúvida ou qual ponto fez mais sentido para você. 

Nossa equipe está disponível para ajudar e comprovar que, com um bom planejamento e gestão de viagem corporativa, todos os desafios podem ser superados.

Obrigado pela companhia nesse texto e até a próxima!

Categorias: Transporte

Você também pode se interessar:

17/05/2022
Por: Henrique Coelho

Check-in online: entenda a importância

Fazer o check-in online é um passo importante para quem vai viajar. Com cancelamentos e alterações de voos pelas companhias aéreas cada vez mais frequentes, os viajantes podem acabar enfrentando muitos transtornos e incertezas na hora de embarcar. Antigamente, o check-in era um processo manual, que dependia de funcionários da companhia para atender os viajantes, […]

Leia mais
16/05/2022
Por: Livia Pizza

Gestão de viagens e produtividade do colaborador

No cenário pandêmico, a maioria das empresas precisaram se adaptar para o home office. Com isso, a gestão de mobilidade passou a contar com menos viagens de trabalho, visto que praticamente todas as reuniões presenciais foram substituídas por conferências online. Por conta disso, a preocupação com a experiência do colaborador entrou em evidência, pois os departamentos […]

Leia mais
12/05/2022
Por: Lucas Machado

VOLL April Release: melhor experiência para uma retomada segura e definitiva das viagens corporativas

Os meses de março e abril cumpriram sua missão de representar a oficialização do retorno do turismo e da mobilidade em todo o mundo, em especial no Brasil e na América Latina.  Companhias aéreas, hotéis, locadoras de veículos e até as viações de transporte rodoviário compartilharam que os marcos de ocupação atingiram recordes, semana após […]

Leia mais

Receba as novidades sobre o universo da mobilidade

Acompanhe as últimas notícias da Voll. Inscreva-se para receber tudo em primeira mão através da nossa plataforma digital.