Blog

16/09/2019
Por: VOLL

Mobilidade corporativa tem a ver com mudança de cultura

Mobilidade corporativa não é somente pegar um táxi ou um avião. É estar onde você precisa estar, com a menor fricção possível. E isso vale para trabalhar em um coworking, com a melhor estrutura disponível para fazer calls, oferecer oportunidades diferentes de transportes terrestres e alternativas de hospedagem.

“O conceito de mobilidade corporativa está atrelado a uma mudança de cultura das empresas. Ela precisa mudar, as companhias precisam disponibilizar algo que não seja só um hotel tradicional, oferecer a possibilidade de se trabalhar de casa ou de um espaço coletivo e disponibilizar ferramentas que te dão a possibilidade de múltiplas escolhas. Isso torna a jornada mais fácil e menos estressante para o colaborador ou viajante corporativo”, afirma a diretora comercial da Voll, Jordana Souza, em painel sobre o tema no SAP Now, que termina hoje, no Transamerica Expo Center, em São Paulo.

E essa questão também está totalmente relacionada à questão da experiência. Se o funcionário de uma empresa tiver de se deslocar, seja para um coworking, por táxi, Uber, ou de avião para uma viagem com estada em hotel, ele exige ou, no mínimo, espera que a sua experiência no profissional seja o mais próximo possível de sua vida particular.

“A tecnologia tem impactado drasticamente neste sentido, com quebras de paradigma. Quem diria que um viajante a negócios poderia ir de jatinho para o Rio de Janeiro, por exemplo, a um preço mais competitivo do que uma ponte aérea? Ou que ele poderia se hospedar em uma residência e viver a experiência local? E o gestor precisa colocar todas essas opções e oportunidades dentro da política de viagens da companhia, não há como fugir disso”, afirma o business development manager da SAP Concur, Ricardo Bechara.

Os novos players acabam sendo impactados ainda pelas novas gerações que, em breve, serão as lideranças dentro das organizações. “Eles tentam transferir o que tem de experiência na vida pessoal para colocar no ponto de vista corporativo. As próprias equipes vão demandar isso e as empresas têm de estar preparadas para essa tendência, pois estamos falando de retenção de talentos”, diz o gerente de Contas Chave para América Latina do Airbnb, Renan Rego.

“Vivemos uma era de experiência, onde o preço continua sendo importante e quanto as companhias terão de saving, mas, mais que isso, elas estão olhando para economizar tempo, oferecer opções que sejam realmente úteis para o seu funcionário e viajante. Os recursos tecnológicos estão mudando toda a forma de consumir e aumentando as possibilidades”, finaliza o CEO da Flapper, Paul Malicki.

 

Fonte: Portal Panrotas (conteúdo na íntegra disponível neste link).

Categorias: Transporte

Você também pode se interessar:

09/03/2020
Por: VOLL

Tudo o que você precisa saber sobre integração de sistemas para gestão de mobilidade na sua empresa

A tecnologia VOLL é nacionalmente reconhecida como o principal marketplace de mobilidade para empresas. Isso significa que ela unifica, em uma única interface e plataforma, os conteúdos dos principais players de mobilidade urbana do mundo (Uber, 99, Cabify, Wappa, EasyTaxi etc). Para além de aumentar a visibilidade do colaborador, para que ele possa selecionar sempre […]

Leia mais
17/02/2020
Por: VOLL

Jornada do viajante corporativo: quais são seus principais percalços e como (sua empresa pode) resolvê-los?

Viajar a trabalho sempre fez parte da rotina de grande parte das empresas, envolvendo desde o time comercial que precisa se reunir com clientes até o C-level que, periodicamente, visita outras filiais. Uma certeza que temos é que este cenário certamente colaborou para o surgimento de novas formas de mobilidade no país — como, por […]

Leia mais
10/02/2020
Por: VOLL

Como o futuro da mobilidade é moldado pelas maiores cidades do mundo

Atualmente, mobilidade é um dos assuntos mais comentados e influencia as decisões de diversas empresas. Com negócios cada vez mais globais, a presença das organizações em uma escala mais ampliada deixou de ser uma questão de “se” para se tornar uma questão de “como”. No segundo semestre de 2019, a VOLL promoveu encontros com gestores […]

Leia mais

Receba as novidades sobre o universo da mobilidade

Acompanhe as últimas notícias da Voll. Inscreva-se para receber tudo em primeira mão através da nossa plataforma digital.